Gregori Warchavchik

Gregori Warchavchik

Nascido em 1896, em Odessa, Ucrânia, Warchavchik morou em Roma, onde obteve seu diploma de arquiteto. Em 1923, apenas um ano após a Semana de 22, chegou ao Brasil, no auge da vanguarda modernista. O terreno estava preparado para ?minhas idéias e meus sonhos?. Dois anos depois, publicou o primeiro manifesto da arquitetura moderna no Brasil (em italiano intitulado Futurismo - traduzido para Acerca da arquitetura moderna). Warchavchik defendia uma modernização das ?máquinas de morar?. Criticava o ornamento e incentivava uma arquitetura livre das amarras do passado e extremamente lógica, que refletisse o presente.
Inaugurou aquela que seria considerada a primeira residência modernista no Brasil em 1928, com projeto, construção, decoração, interiores, móveis e peças de iluminação de sua autoria. Em 1930, outro marco: a Exposição da Casa Modernista na Rua Itápolis, no Pacaembu, São Paulo, onde propunha uma completa renovação da arquitetura que foi considerada complementar à revolução da Semana de Arte Moderna.
O arquiteto também lançou as primeiras casas modernas no Rio, foi sócio de Lucio Costa e lecionou na Escola Nacional de Belas Artes. As peças que formam seu patrimônio em mobiliário são reeditadas pela ETEL.

mesa
ass. Gregori Warchavchik